Resfriamento de Leite

tanque de resfriamento fechado DeLaval

No início, as primeiras sociedades utilizavam neve e água para refrigeração de alimentos. Mais tarde, a teoria do resfriamento por evaporação foi desenvolvida e praticada por um longo tempo. Com o desenvolvimento da civilização e a criação de novas tecnologias, chegamos aos meios de refrigeração atuais que utilizam refrigerantes como HCFC R22 e Blends R404A para resfriamento de alimentos.

A refrigeração do leite tem dois objetivos principais: inibição da multiplicação bacteriana e aumento do tempo de armazenamento na fazenda, de modo a reduzir os custos de transporte até o laticínio.

Higiene completa em todos os aspectos da produção é essencial para a produção de leite de qualidade.  É importante também assegurar que o crescimento das bactérias durante o intervalo de armazenamento entre as ordenhas seja reduzido. Na temperatura do corpo da vaca, as bactérias no leite irão multiplicar muito rapidamente e até mesmo leite com uma baixa contagem inicial de bactérias irá azedar rapidamente.

Depois de seguir todos os procedimentos de ordenha e higiene adequados, o rápido resfriamento do leite para 4°C é a melhor maneira de evitar o crescimento microbiológico e alterações químicas. O leite produzido sob condições higiênicas manterá boa qualidade por um período de 15 a 20 horas. No entanto, não é apenas a temperatura de armazenamento que é importante. O tempo de resfriamento para atingir a temperatura de armazenamento, normalmente de 4 ° C, também é crítico. Os tanques de resfriamento de leite a granel foram especialmente projetados para resfriar o leite a 4°C dentro de um período de tempo especificado (máximo dentro de 3 horas). Os tanques da DeLaval atendem as normas brasileiras IN SDA 53 e internacionais como ISO 5708.

O leite é um dos produtos mais importantes para o consumo humano. Sua alta qualidade é vital e o resfriamento é uma das maneiras mais eficientes para manter o frescor do leite. Em temperaturas mais baixas, os processos químicos são retardados e a deterioração é atrasada.

Como escolher um tanque de leite?

Conhecer o volume de leite produzido por ordenha, a rotina de coleta do leite pelo laticínio, estimar o crescimento da produção para um período de 5 anos são fatores que devem ser considerados no momento da escolha do tanque de resfriamento do leite. Tudo isso irá determinar a capacidade do tanque e o valor do investimento que resultará na escolha de um 4BII ou 2BII.

Cuidados importantes antes da instalação do tanque

Outro aspecto que deve ser considerado para o bom funcionamento do tanque e, com isso garantir a conservação e a qualidade do leite, são as condições de instalação. É importante analisar como é a qualidade da energia elétrica, diâmetros de cabos elétricos, aterramento e boa ventilação para os motores da unidade condensadora para garantir excelentes resultados em tempo de resfriamento e redução de consumo de energia elétrica. Além disso, evita-se também possíveis perdas de leite de boa qualidade devido quedas de tensão e queimas inesperadas de componentes que irão agravar o correto funcionamento do tanque de resfriamento. Antes de instalar o equipamento, consulte um profissional da área (técnico eletricista) e solicite um cálculo de demanda. Com isso em mãos, será possível certificar-se que o transformador de sua propriedade será suficiente para todos os equipamentos elétricos instalados.

A DeLaval oferece a mais completa linha de produtos e tecnologia para o resfriamento do leite em todo o mundo. Isso porque conhecemos a efetiva importância da refrigeração para produção de leite com qualidade.

DeLaval nas redes sociais

Quer saber mais sobre Resfriamento do Leite?

Envie para nós a sua dúvida

  

At DeLaval we use cookies to make your website experience better. You can change your web browser settings if you do not allow cookies or do not want cookies to be saved. Read more about how DeLaval handles cookies. I have read and accepted the information on how DeLaval handles cookies.